224 - É o Tempo de Segar

compartilhar link

 
1
É o tempo de segar e tu sem vacilar,
Declaraste sem temor: “Não posso trabalhar?”
Vem, enquanto Cristo, o Mestre, está a te chamar:
“Jovem, jovem, ó vem trabalhar!”

Vem e vê os campos brancos já estão
Aguardando bravos que os segarão;
Jovem, desperta, faz-te pronto e alerta!
Queiras logo responder: “Eis-me aqui, Senhor”
Olha que a seara bem madura está;
Que colheita gloriosa não será!
Jovem, desperta. Faz-te pronto e alerta!
Poucos dias são que restam para o segador!

2
As gavelas que recolhes: jóias de esplendor
Brilharão na tua coroa, e darão fulgor;
Busca logo essas jóias; Deus é premiador;
Jovem. jovem, entra no labor!

3
A manhã já vai passando, não maia voltará;
Da colheita o tempo brevemente findará;
E perante o teu Senhor vazio t’acharás;
Jovem, jovem, obedece já!

  É o Tempo de Segar (5,4 KiB, 1.766 hits)

Autor(es)/Tradutor(es): P.L.M - Paulo Leivas Macalão