328 - O Pão da Vida

compartilhar link

 
1
O pão da vida, descido dos céus,
Dá paz, saúde e vigor;
O pão celeste, mandado por Deus,
É Cristo, o Salvador;
O Redentor, vem sem tardar,
Do pecador o mal sanar!
Se algum perdido buscar Tua luz,
Depressa vem a paz lhe dar;
Não tardes mais, amoroso Jesus,
Ó vem me confortar!

2
Há gozo santo p’ra quem tem a luz,
Em se lembrar do seu Senhor,
E só falar do amor de Jesus,
O grande Redentor!
Teu jugo é doce, meu Senhor,
Teu fardo é leve, que amor!
Se eu não posso levar minha cruz,
Depressa vem me ajudar;
Não tardes mais, amoroso Jesus,
Ó vem me confortar!

3
Por duras provas e perseguições,
Tu fazes o fiel passar;
E quem vencer há de ter galardão,
Também no céu lugar,
Eu lá verei Teu esplendor,
A Tua glória. Salvador;
Se não puder carregar minha cruz,
Depressa vem me auxiliar;
Não tardes mais, amoroso Jesus,
Ó vem me confortar!

4
Jesus, o Teu insondável amor,
Me faz sentir no coração;
O amor de Deus, este santo amor,
E viverei, então;
A Ti, Jesus, eu dou louvor;
Tu me dás graça e vigor;
Tu és o pão que a vida produz;
Minh’alma vem alimentar;
Não tardes mais, amoroso Jesus
O vem me confortar!

  O Pão da Vida (3,0 KiB, 864 hits)

Autor(es)/Tradutor(es): P.L.M - Paulo Leivas Macalão